A ROTINA DA CRIANÇA

Neste momento, estamos todos em adaptação. Mudança bruta de rotina dá um nó nas cabeças dos pequenos e a rotina ajuda a dar segurança, previsibilidade, nortear e colocar limites às situações.

Elaboramos uma ferramenta para ilustrar para a criança uma espécie de rotina, baseada nos afazeres diários deles próprios. Tudo para a ansiedade do seu filho diminuir e o dia-a-dia ganhar mais ritmo!

Basta você tirar foto dos seus filhos fazendo as atividades, subir na página da ferramenta (link abaixo) e nomear o momento tipo “Café da Manhã” e “Mamãe trabalhando”.

Ir para ferramenta

Aqui

Exemplo:


O que os especialistas dizem

Taís Masi
psicóloga

"Cada família é um Universo.

Sua rotina traduz um pouco de seu jeito de ser. Tanto adultos quanto crianças, vão compreendendo a si e ao Mundo à sua volta conforme organizam o seu agir.

Uma rotina saudável tem ritmo. Como batida e melodia, em uma canção. Nesse ritmo, dois aspectos são fundamentais: os movimentos de contração e expansão; e a repetição, que dá à criança a segurança em relação ao Mundo. Para os menores, a previsibilidade é fundamental, já que experimentam os sentimentos de forma muito intensa e, associar o sentir fome à hora de almoço, por exemplo, vai dando caminhos para que entendam a si mesmos.

Para dar ritmo ao dia, há 4 principais tempos que precisam ser marcados: o brincar, as refeições, o sono e as práticas de cuidado. Em idade escolar, entram os tempos de aprendizado formal. Algumas dicas podem ajudar a organizar a rotina das crianças:

- Maleabilidade: uma rotina com ritmo delimita os acontecimentos e gera previsibilidade, mas é flexível a se adaptar às mudanças, para não se tornar mecânica.

- Permita espaços vazios: o brincar livre e o tempo não preenchido permitem à criança ter espaço para estimular a sua vida interna, sua criatividade e a percepção de seus sentimentos.

- Crie tempos para as atividades, mas considere os rituais de início e fim: uma oração, uma história antes de dormir e o que cada um sentir que ajuda a ritualizar a mudanças de atividades.

- Escolhas: é importante permitir que as crianças façam escolhas: escolher a roupa quando pequenos, vai dar a autonomia em perceber suas preferências. Prepare-se para aceitar as escolhas equivocadas, que fazem parte do aprendizado.

- Nutra em si um bom ritmo: Cuide da forma como você está organizando os seus tempos de trabalho, descanso, cuidado com sua saúde. As crianças imitam e os mais velhos, se inspiram em nós.

Com o tempo, uma rotina ritmada se transforma em hábitos saudáveis de toda a família."